Os e-auctions, normalmente, são leilões directos, em que alguém oferece produtos ou serviços a utilizadores que licitam de forma ascendente (versão inglesa) ou descendente (versão alemã). No entanto os leilões que mais interessam para as empresas, não são os directos, são os leilões invertidos. Num “reverse e-auction” leilão invertido as empresas adquirem produtos ou serviços num concurso público fechado (quantidade e especificações) em que teoricamente vence a melhor oferta, não apenas no preço mas também com as melhores condições comerciais (nem sempre a oferta de preço mais baixo ganha os contratos). Um exemplo de sucesso da utilização de e-auctions é o da British Airways, que em 2005 poupou 300 milhões de libras pela utilização de e-auctions, no entanto, a vantagem de usar os e-auction não reside apenas nos custos, pois, também permite determinar a estrutura de preços da concorrência, através da análise das suas licitações.
Com tudo o que está descrito, muitas vezes as suas potencialidades não são totalmente aproveitadas, sobretudo quando estamos a falar na interacção com os consumidores. Assim, para as empresas isto torna-se claramente e cada vez mais num reboliço sem fim. Terão que se adaptar às exigências que lhes são pedidas pelos mais diversos meios envolventes, colmatando as falhas que possam existir e adequando preços ao mercado tornando-se assim mais competitiva. Para tal as empresas devem munir-se de ferramentas que as levem a identificarem-se e a distinguirem-se nesta selva que é o mercado atual.

É um tipo de marketing em que a empresa (publicitária) recompensa (pode ser financeiramente) o afiliado (editor) por canalizar potencias clientes através de links para o seu website. Estes hyperlinks podem ter dois objectivos diferentes: vendas directas; ou simplesmente redireccionar potenciais utilizadores interessados para o website da empresa (publicitária).
Um configurador online é uma aplicação incorporada no site, que permite ao potencial comprador a possibilidade de personalizar o produto através de todas as opções disponíveis. Temos diversos exemplos de configuradores online, por exemplo na indústria automóvel, onde é possível configurar diversas opções e acessórios das viaturas. No entanto, um dos exemplos mais interessantes é o da Dell que em 1996 passou a permitir aos clientes configurarem o seu PC online.

In the 2000s, with more and more Internet users and the birth of iPhone, customers started searching products and making decisions about their needs online first, instead of consulting a salesperson, which created a new problem for the marketing department of a company. In addition, a survey in 2000 in the United Kingdom found that most retailers had not registered their own domain address.[12] These problems made marketers find the digital ways for market development.

Brand awareness has been proven to work with more effectiveness in countries that are high in uncertainty avoidance, also these countries that have uncertainty avoidance; social media marketing works effectively. Yet brands must be careful not to be excessive on the use of this type of marketing, as well as solely relying on it as it may have implications that could negatively harness their image. Brands that represent themselves in an anthropomorphizing manner are more likely to succeed in situations where a brand is marketing to this demographic. "Since social media use can enhance the knowledge of the brand and thus decrease the uncertainty, it is possible that people with high uncertainty avoidance, such as the French, will particularly appreciate the high social media interaction with an anthropomorphized brand." Moreover, digital platform provides an ease to the brand and its customers to interact directly and exchange their motives virtually.[33]
"Jim, Wanted to touch base with you on an update. We should have a better understanding when were starting back up in the next 2-4 weeks. Good news is that it looks like your link building efforts are paying off like we talked about. Over the past 2 days our free google traffic has seen new highs. So we were on a steady down trend for 5 months and over the past 2 weeks we have seen a steady increase to new highs of over that of last summer." Andrew G.
Então veja, manda esse email para 100 dos seus amigos, e desses 100, 10 reencaminham para mais 100. Isto dá um total de 1000 pessoas a lerem o email. Mesmo que o lucro por compra não seja muito elevado, vamos assumir que reçebemos 3€ por cada venda, e que apenas 10% das pessoas que leram se sentiram suficientemente interessadas compraram, ficamos com um total de 100 pessoas a comprar o produto. Ora o nosso lucro irá ser de 3€ x 100 pessoas o que dá um total de 300€ apenas por menos de 1-2 horas de trabalho!

Collaborative Environment: A collaborative environment can be set up between the organization, the technology service provider, and the digital agencies to optimize effort, resource sharing, reusability and communications.[36] Additionally, organizations are inviting their customers to help them better understand how to service them. This source of data is called User Generated Content. Much of this is acquired via company websites where the organization invites people to share ideas that are then evaluated by other users of the site. The most popular ideas are evaluated and implemented in some form. Using this method of acquiring data and developing new products can foster the organizations relationship with their customer as well as spawn ideas that would otherwise be overlooked. UGC is low-cost advertising as it is directly from the consumers and can save advertising costs for the organisation.

Affiliate marketing - Affiliate marketing is perceived to not be considered a safe, reliable and easy means of marketing through online platform. This is due to a lack of reliability in terms of affiliates that can produce the demanded number of new customers. As a result of this risk and bad affiliates it leaves the brand prone to exploitation in terms of claiming commission that isn't honestly acquired. Legal means may offer some protection against this, yet there are limitations in recovering any losses or investment. Despite this, affiliate marketing allows the brand to market towards smaller publishers, and websites with smaller traffic. Brands that choose to use this marketing often should beware of such risks involved and look to associate with affiliates in which rules are laid down between the parties involved to assure and minimize the risk involved.[47]
Social media continues to grow and adapt into a more exciting technology than ever before. While it was once a purely personal platform, the business and marketing applications are ace. Now we have entire degrees dedicated to the practice, and firms popping up all over the world promising to help brands expand on and off the web. While many offer tools to allow you to measure your own analytics, others handle everything for you.
No caso do CPL, muitos usuários têm tendência para reclamar com as empresas de afiliados, porque haviam realizado XXX leads, e a empresa apenas validou YYY leads. Mas a verdade é que a empresa está no seu direito de revogar todas e quaisquer leads que considere não ter qualidade e/ou que não cumprem o pressuposto do programa de afiliados. Se tiver opção de escolha, opte sempre por um programa de CPA, em que, independentemente da validação da lead, você cumpriu a ação e é remunerado por isso.
O bom do marketing de afiliados é que você não precisa de criar absolutamente nada. Caso você pretenda, é possível ganhar muito dinheiro trabalhando com esse mercado, promovendo ofertas de produtos, sem que na realidade você tenha de criar um blog, site ou outra coisa qualquer. Existem afiliados ganhando muito dinheiro e a única coisa que fazem é anunciar no Facebook, Google AdWords e native ads. Há também quem prefira usar estratégias mais avançadas, como  comprar tráfego para promover programas de afiliados.
×